terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

BLOQUEIO CRIATIVO: TEM CURA E PREVENÇÃO!

Olá, Galera!

Bom, dessa vez, eu vou dar uma dica para quem está começando a escrever e que tem um problema com BLOQUEIO CRIATIVO. Obviamente, esse é o nome que se dá quando você não sabe mais o que escrever, o que deve acontecer na história... Enfim. Nem sempre podemos lidar com um bloqueio criativo, mas uma coisa que ajuda é o PLANEJAMENTO.

O planejamento de uma história ajuda tanto a prevenir o bloqueio quanto a remediá-lo, principalmente quando se trata de uma série, e não de um livro único. Você precisa ter todos acontecimentos da história organizados em caderninho, no Word ou simplesmente na sua cabeça. É muito melhor do que simplesmente criar um personagem e um cenário e sair escrevendo. O planejamento ainda ajuda na hora de criar uma ideia de como entrelaçar os acontecimentos, de forma que eles todos sejam importantes e influenciem (ou não) no final.

Bom, e aqui vai a justificativa: Por que Planejamento e Bloqueio são inimigos?

CASO 1: PREVENÇÃO
Se você tiver uma ideia completa de como será a história, dificilmente vai chegar em um ponto em que você não sabe o que vai acontecer. O que pode acontecer é você não saber como escrever a cena ou como introduzi-la na história. Mas é só pensar um pouquinho.
Só que se... Eu realmente não estiver afim de escrever essa cena, mesmo sabendo tudo sobre ela?

CASO 2: CURA
Se você não está animado para a cena atual, saia do roteiro. Já que você sabe todas as cenas necessárias para montar a história, você pode escrever um pedaço do livro para o qual você esteja muito mais animado. Pode até mesmo ser o final do seu livro. Mas cuidado para não se perder! Tenha tudo muito organizadinho no seu computador. Eu criei um arquivo para colocar todas essas cenas juntas, na ordem certa. Assim é mais fácil manter uma linha de raciocínio.
Obviamente, quando você monta a história desse jeito, tem que ficar revisando para que os pedaços combinem, para que você não esqueça de nada que deveria ter escrito.

OUTRA DICA: Leia!
É sempre bom ter a leitura em dia quando se escreve. Mas leia livros do mesmo gênero e faixa etária, ou pode virar uma porcaria. Um exemplo, quando eu estava começando a escrever um romance policial, estava lendo Alice no País das Maravilhas. A detetive principal ficou com vocabulário super infantil, não deu certo. Mas daria certo se eu estivesse criando uma história infantil. Enquanto estiver escrevendo, procure por autor que você acha que deixa tudo bem escrito. Quando eu escrevo, amo ler Pittacus Lore! Ele é ótimo. Mas leia o que achar melhor para o seu livro.

Bom, foi isso, desejo a vocês sorte com seus bloqueios criativos, e espero que essas dicas ajudem.
Beijos, até mais!